Últimas

Polícia prende suspeito de matar deficiente visual de 88 anos a facadas na Zona Sul do Rio


Leonardo Reis de Oliveira após ser preso Foto: Reprodução

Policiais da Delegacia de Homicídios da Capital prenderam, nesta quinta-feira, em Piabetá, na Baixada Fluminense, Leonardo Reis de Oliveira, de 33 anos. Ele estava com a prisão preventiva decretada pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro por suspeita de matar com golpes de faca o deficiente visual Manahen Marinho, de 87 anos. O crime aconteceu no interior do apartamento do idoso, na Glória, na Zona Sul do Rio, no dia 13 de janeiro último.

Imagens de câmeras de segurança do prédio mostram o suspeito chegando ao apartamento às 5h27, no dia em que o crime ocorreu. Leonardo vestia bermuda e uma camisa azul, além de usar um boné. Ainda vestindo a mesma roupa, o suspeito aparece andando em um corredor às 6h10.

Às 7h32, quando já teria cometido o assassinato, as imagens mostram Leonardo saindo do local vestindo uma calça comprida e uma camisa estampada . Na gravação, ele também está usando boné e levava em uma das mãos uma sacola plástica azul.

De acordo com a polícia, a vítima foi morta com golpes de faca no pescoço. A investigação revelou que o suspeito foi a última pessoa a entrar na residência do idoso. Antes de fugir do local, ele ainda trancou o apartamento por fora.

O crime só foi descoberto três depois, quando vizinhos reclamaram de um forte cheiro vindo da residência do idoso. Em seguida, a polícia foi chamada e entrou no local onde foi encontrado o corpo de Manahen.

Leonardo Reis de Oliveira tem outras passagens pela polícia. Ele já respondeu por dois crimes de lesões corporais decorrentes de violência doméstica, por ameaça e por uma tentativa de homicídio. Esta última teria ocorrido quando o suspeito trabalhava como garoto de programa e teria esfaqueado um homem que o agenciava na época.

Por EXTRA/GLOBO

Postar um comentário

Comente!

Postagem Anterior Próxima Postagem
Petrolândia Notícias