Petrolândia Notícias: Chesf é destaque: maior empresa de Pernambuco

CLIMAGEM

CLIMAGEM















domingo, 14 de novembro de 2021

Chesf é destaque: maior empresa de Pernambuco


“Enxugamento dos gastos, melhor gestão de recursos e aposta em Tecnologia da Informação foram os ingredientes usados pela Companhia Hidro Elétrica do São Francisco para encerrar 2020 com resultado positivo nas suas operações”. Foi dessa forma que o Jornal do Commercio do Recife (PE) abriu a matéria sobre a primeira colocação conquistada pela Chesf, no Prêmio Balanço Empresarial – Maiores e Melhores 2021, realizado pela JBG & Calado e publicado pelo JC. A Companhia ficou no topo dos indicadores de Ativo e Lucro Líquido; em segundo lugar, na Receita Líquida, e em quarto, na Variação do Imobilizado.

Realizado há 15 anos em Pernambuco, o Balanço Empresarial promove um ranking das 50 maiores e melhores instituições em operação no Estado, em oito indicadores: Ativo, Receita Líquida, Variação da Receita Líquida, Lucro Líquido, Variação do Lucro Líquido, Crescimento do Ativo Imobilizado, Rentabilidade do Patrimônio Líquido e Margem Líquida.

O presidente da Chesf, Fabio Lopes, destacou que o desafio da Companhia em 2020 foi continuar garantindo à população o bem essencial da energia elétrica, diante dos desafios decorrentes da pandemia de Covid-19. Salientou que, durante esse período, um grupo das Empresas Eletrobras foi criado como um comitê de crise para discutir e definir protocolos para evitar impactos no fornecimento de energia ao sistema elétrico.

Uma das primeiras providências tomada pela Empresa foi colocar 70% dos mais de três mil empregados em trabalho remoto e manter os 30% restantes nas atividades que não permitiam dispensar o trabalho presencial. Na área operacional, foi preciso apostar em Tecnologia da Informação, em novas ferramentas e plataformas de gestão dotadas de inteligência artificial e business intelligence, além de implantar um projeto de transformação digital.

“Também treinamos cerca de 200 empregados que poderiam ser convocados para acionar o sistema em caso de emergência, o que felizmente não foi necessário”, comemorou o dirigente.

A Chesf também enxugou gastos e melhor gerenciou os seus recursos, permitindo uma redução das despesas operacionais durante o ano. Além disso, conseguiu dar sua contribuição social à população durante a pandemia.

O JC ressaltou que a Companhia entregou neste período atípico mais parques eólicos (Casa Nova I, II e III, além de Pindaí, todos na Bahia), aumentando a geração e contribuindo para que o Nordeste pudesse exportar mais energia para as regiões Sul e Sudeste do País, assoladas pela crise hídrica.

Por Ascom/Chesf



Nenhum comentário: