Petrolândia Notícias: Miguel lamenta Pernambuco na liderança nacional do desemprego e cobra plano estadual para retomada da economia

CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

sexta-feira, 28 de maio de 2021

Miguel lamenta Pernambuco na liderança nacional do desemprego e cobra plano estadual para retomada da economia



Pernambuco foi o estado brasileiro com maior taxa de desocupação (ou seja, pessoas sem trabalho) no primeiro trimestre de 2021. A informação foi divulgada pelo IBGE, nesta quinta-feira (27), através da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD).

O levantamento mostra que Pernambuco aumentou a taxa de desocupação para 21,3% no primeiro trimestre. Em dezembro, esse percentual era de 14,5%. O resultado é superior à média nacional (14,7%) e a da Região Nordeste (18,6%). Além disso, a taxa deste trimestre é o pior desempenho de Pernambuco desde que o IBGE iniciou os levantamentos, em 2012.

Diante do dado preocupante, o prefeito Miguel Coelho voltou a cobrar um plano para recuperação dos empregos e da economia para os municípios pernambucanos. O gestor alerta que mais preocupante que o percentual alto de desocupação, é a paralisia do Governo do Estado e a falta de liderança para enfrentar o problema socioeconômico dos pernambucanos.

“É triste constatar em números o que todo mundo sente na realidade diária. Pernambuco é o estado que menos faz investimento público no Nordeste e o estado brasileiro com maior taxa de desocupação do Brasil. Isso já é muito preocupante, porém, o que mais assusta é saber que não há nada sendo feito para superar esse drama, não se conversa com as lideranças nem com a população, não se apresenta um plano, uma solução. A sensação é de que não temos perspectiva de futuro nesse cenário“, relata o gestor de Petrolina e secretário geral da Frente Nacional dos Prefeitos.

VIA DIDI GALVÃO