Petrolândia Notícias: Bebê morre durante parto em Petrolândia e família acusa hospital de negligência médica [Vídeo]

CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

sexta-feira, 21 de maio de 2021

Bebê morre durante parto em Petrolândia e família acusa hospital de negligência médica [Vídeo]

Um bebê morreu durante o parto na maternidade do Hospital Municipal Dr. Francisco Simões de Lima, em Petrolândia, no Sertão de Pernambuco, na última segunda-feira (17), e a família do bebê acusa o hospital de negligência médica.

Nossa reportagem esteve na residência da família, e entrevistou o pai do bebê e sua cunhada. A família reside na comunidade conhecida como Serra Vermelha (nas proximidades da Sandálias do Pescador), zona rural de Petrolândia, e segundo o pai do bebê - Jefferson Firmino Gomes da Silva de 25 anos, que trabalha como carpinteiro na construção civil, sua esposa Maria Leidiane da Silva de 21 anos, estava sentindo várias contrações, e foi socorrida para o hospital da cidade. Ao chegarem na unidade pública de saúde o mesmo ficou aguardando e após algum tempo, sua esposa foi liberada, onde a equipe do hospital informou a paciente que ela estava apenas com 2 centímetros de dilatação, e que ainda não era hora da mesma dá a luz a criança. 

A jovem mãe foi aconselhada a voltar na noite daquele mesmo dia, para que fosse examinada. De acordo com o pai do bebê, a mesma retornou por volta das 18h30min, e na sequencia do atendimento, a bolsa estourou só que a passagem (dilatação) para que o bebê nascesse ainda não era possível, havendo assim a indução do trabalho de parto, após ordem da médica plantonista.  

Em seguida segundo o pai do bebê sua mulher passou por muito sofrimento já que foi preciso que as enfermeiras tiveram que interceder junto a mãe para que a mesma colocasse força para que a criança nascesse. Por fim a criança saiu do ventre da mãe supostamente sem vida. 

O pai ainda nós afirmou que foi necessário acionar a Polícia Civil para que o hospital acionasse o serviço funerário, e que ele [o pai] recebeu conselhos da equipe do hospital e da funerária responsável para que o mesmo não aceitasse viajar para o IML de Caruaru, para que não fosse possível a constatação do óbito do bebê.

Nossa reportagem também conversou com a irmã da mãe do bebê Maria Leidiane Cardoso da Silva de 24 anos, a mesma nós relatou que acompanhou também sua irmã até o hospital, e que demorou muito a receber informações da equipe responsável, onde ficou desconfiada já que naquele mesmo dia era a segunda vez que sua irmã teria retornado a unidade hospitalar, quando recebia informações sempre era com uma desculpa, onde alegavam que estava tudo bem. A família acusa o hospital de negligência médica já que eles alegam que era para ter ocorrido um parto cesáreo por conta do tamanho da criança que pesava aproximadamente quatro quilos. A família declarou que levará o caso a justiça.

Afim de maiores esclarecimentos sobre o caso, a redação do Blog PN Petrolândia Notícias, entrou em contato com a Secretária de Saúde do Município, Drª Ana Patrícia Jaques, mas infelizmente até o fechamento dessa reportagem não obtivemos informações. O blog permanece com espaço aberto para maiores esclarecimentos.

Veja a entrevista:


Por Redação | Gravação de vídeo: Ana Paula/Fotos: Reprodução e cedida pela família/Edição de imagens: Alex Santos