Petrolândia Notícias: PE ultrapassa 400 mil casos de Covid e tem maior confirmação diária de óbitos por causa da doença desde 26 de junho

CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES ATUALZADO

JAQUES ATUALZADO

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

quarta-feira, 28 de abril de 2021

PE ultrapassa 400 mil casos de Covid e tem maior confirmação diária de óbitos por causa da doença desde 26 de junho


Cemitério Parque das Flores, no Recife, tem centenas de covas abertas para mortos da Covid-19 — Foto: Reprodução/TV Globo

Pernambuco registrou, nesta quarta-feira (28), 106 óbitos provocados pela Covid-19. Esse número é a maior confirmação diária de mortes causadas pela doença no estado desde o dia 26 de junho de 2020, quando foram contabilizadas 122 vidas perdidas para o novo coronavírus.

Esses 106 falecimentos aconteceram entre o dia 18 de maio de 2020 e a terça-feira (27), de acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES). Ao todo, Pernambuco totalizou 13.868 óbitos por causa da pandemia.

O boletim desta quarta-feira (28) também teve o registro de mais 2.720 casos da Covid-19 em Pernambuco, elevando para 402.157 o total de infectados. Os números começaram a ser contabilizados em março de 2020.

Os novos registros dividem-se entre 179 (6,5%) diagnósticos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e 2.541 (93,5%) quadros leves da Covid-19. Com isso, Pernambuco totalizou 39.869 casos graves e 362.288 formas leves da doença.

Os casos do novo coronavírus estão distribuídos por todos os 184 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha.

Além disso, o boletim registrou, nesta quarta, um total de 340.651 pacientes recuperados da doença. Destes, 23.330 eram pacientes graves, que necessitaram de internamento hospitalar, e 317.321 eram casos leves.

Mortes

O boletim conformou nesta quarta 63 mortes de homens e 43 de mulheres.

Esses pacientes moravam em Abreu e Lima (1), Alagoinha (2), Aliança (1), Altinho (1), Araripina (1), Arcoverde (1), Barreiros (1), Belém de Maria (1), Belo Jardim (1), Bonito (1), Buíque (1), Cabo de Santo Agostinho (1), Caetés (1), Camaragibe (4), Capoeiras (1), Caruaru (4), Condado (1), Dormentes (1), Escada (1), Exu (1), Frei Miguelinho (1), Goiana (1), Gravatá (1), Igarassu (2), Itambé (1), Jaboatão dos Guararapes (6), João Alfredo (1), Lagoa do Itaenga (1), Olinda (5), Paudalho (2), Paulista (1), Pesqueira (1), Petrolina (7), Pombos (1), Recife (37), Saloá (1), Santa Cruz da Baixa Verde (1), Santa Cruz do Capibaribe (1), São Lourenço da Mata (2), Serra Talhada (1), Timbaúba (1), Trindade (1), Verdejante (1) e Vitória de Santo Antão (2).

Os pacientes tinham idades entre 25 e 90 anos. As faixas etárias são: 20 a 29 (1), 30 a 39 (5), 40 a 49 (15), 50 a 59 (27), 60 a 69 (16), 70 a 79 (24), 80 ou mais (18).

Do total, 76 tinham doenças pré-existentes: doença cardiovascular (42), diabetes (30), hipertensão (17), obesidade (12), doença respiratória (7), tabagismo/histórico de tabagismo (7), doença renal (6), câncer (2), histórico de AVC (2), Alzheimer (2) e imunossupressão (1).

Um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Os demais seguem em investigação.

Testes

Desde março de 2020, o estado realizou 1.625.433 testes para detectar a Covid-19.

Com relação à testagem dos profissionais de saúde com sintomas de gripe, até agora, 28.546 casos foram confirmados e 49.292 descartados.

As testagens entre os trabalhadores do setor abrangem os profissionais de todas as unidades de saúde, sejam da rede pública (estadual e municipal) ou privada.

Vacinação

Desde 18 de janeiro deste ano, Pernambuco aplicou 1.960.003 doses da vacina contra a Covid-19, das quais 1.337.078 foram primeiras doses.

Ao todo, receberam a primeira dose234.408 trabalhadores de saúde; 25.073 povos indígenas aldeados; 33.941 em 2 comunidades quilombolas; 6.192 idosos em Instituições de Longa Permanência; 455.254 idosos de 60 a 69 anos.

Também foram imunizados 386.642 idosos de 70 a 79 anos; 101.741 idosos de 80 a 84 anos; 87.938 idosos a partir de 85 anos; 994 pessoas com deficiência institucionalizadas; além de 4.895 trabalhadores das forças de segurança e salvamento.

Em relação à segunda dose, já foram beneficiados 196.440 trabalhadores de saúde; 24.716 povos indígenas aldeados; 47 em comunidades quilombolas; 4.683 idosos institucionalizados; 92.541 idosos de 60 a 69 anos; 246.087 idosos de 70 a 79 anos.

Também foram contemplados 38.980 idosos de 80 a 84 anos; 17.654 idosos a partir de 85 anos, além de 777 pessoas com deficiência institucionalizadas; totalizando 622.925 pessoas que já finalizaram o esquema.

Leitos

Nesta quarta, a taxa global de ocupação de leitos na rede pública era de 89%. Havia doentes em 95% das UTIs e em 81% das enfermarias.

Na rede privada, a taxa global de leitos era de 77%. Havia doentes em 88% das UTIs e em 59% das enfermarias.

Do G1/PE

Social