Petrolândia Notícias: Secretário de Saúde confirma que há pacientes em fila de espera para leitos de UTI em Pernambuco

CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES ATUALZADO

JAQUES ATUALZADO

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

quinta-feira, 18 de março de 2021

Secretário de Saúde confirma que há pacientes em fila de espera para leitos de UTI em Pernambuco


"A relação de doentes graves todos os dias está superando a capacidade de oferta de leitos", disse o secretário de Saúde do Estado, André Longo - FOTO: HEUDES RÉGIS/SEI

O secretário de Saúde de Pernambuco, André Longo, confirmou na manhã desta quinta-feira (18), em entrevista à TV Globo, que já há pacientes à espera de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para covid-19 no Estado. No entanto, nem ele, nem a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), disseram quantas pessoas estão na fila de espera. Nessa quarta-feira (17), o boletim epidemiológico trouxe que a ocupação nos leitos estaduais era de 97%, e de 89% nas UTIs privadas.

“A velocidade da doença assumiu um ritmo muito forte. A relação de doentes graves todos os dias está superando a capacidade de oferta de leitos. Mesmo tendo aberto mais de 300 leitos nesses últimos 18 dias, temos hoje uma dificuldade de garantir a oferta para esta demanda", afirmou o chefe da pasta de saúde.

Além disso, Longo informou que há expectativa da gestão abrir mais de 200 leitos nos próximos dias, mas que, ainda assim, "é preciso interromper a velocidade de crescimento da doença". Ele argumenta, então, sobre a importância em ter implantado uma quarentena mais severa no Estado, que começou nesta quinta-feira (18) e vai até o dia 28 de março. “Precisamos do apoio da população, porque temos que diminuir a velocidade da transmissão da doença para deixar de gerar esse doentes graves”.

Há, segundo ele, pacientes entubados aguardando por leitos de UTI. "Esses são prioridades, e queremos resolver isso em até seis horas". Mas existem também pessoas com uso de máscara, "que podem aguardar um pouco mais", e com cateter de O². "Todos com indicação ora de enfermaria, ora de UTI. A prioridade sempre será para o doente mais grave", explicou.

Mais 2.139 casos e 53 óbitos causados pelo novo coronavírus foram confirmados nesta quinta-feira (18). Agora, Pernambuco totaliza 325.315 casos confirmados da doença, sendo 34.050 graves e 291.265 leves, e 11.563 mortes pela doença.

O que diz a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE)

Por nota, a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) não confirmou que há fila de espera, e sim que "a quantidade de leitos vagos para a Covid-19 se renova a todo momento, devido a altas e a abertura de novas vagas, que estão ocorrendo diariamente". Além disso, disse que a Central de Regulação de Leitos tem atendido as demandas que estão chegando, sempre levando em consideração as necessidades de cada paciente, dentro do giro diário de leitos.

"Destaca-se, também, que o Estado vem realizando todo o esforço necessário para ampliar o número de vagas de UTI na sua rede própria, além de contratualizar toda a oferta disponível de terapia intensiva nas redes privada e filantrópica. Desde a semana passada, são mais 200 novas vagas ofertadas em todo o Estado e outras já estão em processo de abertura. Por fim, a SES-PE reitera a gravidade da situação da pandemia em Pernambuco e a necessidade do engajamento da população no respeito às normas sanitárias para evitar a proliferação da Covid-19 e a sobrecarga do sistema de saúde. Cada um precisa fazer sua parte contra o coronavírus e a favor da vida", afirmou a nota.

Do JC OnLine

Social