Petrolândia Notícias: Governo de Pernambuco decide até sexta-feira sobre prorrogação de quarentena. Cenários mais prováveis contêm restrições

CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES ATUALZADO

JAQUES ATUALZADO

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

quarta-feira, 24 de março de 2021

Governo de Pernambuco decide até sexta-feira sobre prorrogação de quarentena. Cenários mais prováveis contêm restrições


Foto: Reprodução

O Governo de Pernambuco deverá anunciar na sexta-feira (26) se prorroga o decreto de quarentena, com restrições a atividades não essenciais.

Está em vigor no estado, desde o dia 18 e pelo menos até o dia 28 de março, próximo domingo, a liberação apenas para serviços apontados pelo governo como essenciais funcionarem normalmente.

Nos bastidores do governo, nesta quarta, o cenário considerado mais provável é a renovação do decreto nos parâmetros atuais por pelo menos 10 dias.

Além disso, também será discutido na quinta e na sexta-feira, em reuniões internas, a possibilidade de endurecimento das medidas, como lockdown, com barreiras de circulação de pessoas. “Existe a possibilidade, mas é menor. É difícil fazer isso nesse momento, pois não há os três auxílios: nem o auxílio direto a estados e municípios, nem o auxílio a empresas, com a suspensão de contrato de trabalho com o governo pagando parte do salário para assegurar os empregos, e tampouco o auxílio emergencial à população em geral“, afirma fonte do governo envolvida nas decisões sobre a covid-19, sob reserva.

Uma segunda saída seria o retorno às restrições às atividades não essenciais entre 20h e 5h nos dias úteis (de segunda a sexta) e durante todo o dia aos sábados e domingos.

Está descartada a possibilidade de não haver alguma restrição.

Indicadores

A Secretaria de Saúde de Pernambuco registrou, nesta quarta-feira (24), recorde diário de casos da covid-19: 2.738. Também foram confirmadas mais 45 mortes pela doença.

O estado totaliza 336.236 casos confirmados e 11.807 mortes pela covid-19.

Nesta terça-feira (23), a taxa de ocupação de leitos de terapia intensiva (UTI) para covid-19 estava em 97% na saúde pública do estado. Ao todo, a rede tem 1.419 leitos. Desses, 1.381 estavam ocupados na terça e apenas 38 livres.

Na rede privada, o índice de ocupação de leitos de UTI para covid-19 estava em 90% nesta terça.

Do Blog do Jamildo

Social