Petrolândia Notícias: Até quando o Governo de Pernambuco vai dar as costas para as estradas do Sertão

CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES ATUALZADO

JAQUES ATUALZADO

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2021

Até quando o Governo de Pernambuco vai dar as costas para as estradas do Sertão


O motorista que trafega pelas rodovias PE-270 entre Buíque e Itaíba, na PE-300 entre Itaíba e Manari, a PE-345 entre Inajá e Ibimirim e a PE-375 entre Inajá e Tacaratu, todas no Sertão de Pernambuco, estão de mãos na cabeça e nos bolsos com os prejuízos causados em seus veículos nas estradas que mais parecem tábuas de pirulitos. Queixam-se que há muito tempo não veem uma máquina do DER-PE fazendo qualquer manutenção nessas rodovias. E a cada dia os buracos aumentam, ainda mais com a chegada das chuvas, já que no início do ano cai umas “trovejadas”. Chegam a dizer que não adianta nem comentar o caos em que se encontram tais buraqueiras, só lamentam.

O representante comercial Gutemberg Fontes (Guto do Golf), que todos os meses trafega por diversas cidades de toda a região onde consistem essas rodovias diz, “o Governo de Pernambuco capenga nas suas próprias promessas”.

Já o empresário Simplício Sá, que nesta terça-feira visitou a Microrregião do Sertão do Moxotó, nos enviou algumas fotos, e disse ao Blog PE Notícias que a PE-345 entre Ibimirim e Inajá está quase que intransitável, uma coisa deplorável, comentou fazendo uma ressalva: “quem sabe o novo secretário de Desenvolvimento Agrário, Claudiano Martins, que é da região e assumiu ontem (1º), não possa comover o governador Paulo Câmara a olhar com mais atenção para este lado do interior de Pernambuco?- do jeito que está fica difícil acreditar nas boas intenções do governo Paulo Câmara”.

O abandono por parte do Governo do Estado é tamanho que em muitos pontos dessas rodovias o asfalto já não existe mais. A falta de manutenção aliada à ação do tempo provocou o aparecimento de muitos buracos em todo o trecho das PEs. As péssimas condições geram prejuízos enormes aos proprietários de veículos, aumentando ainda mais os riscos de acidentes. Não se pode tirar a revolta de quem precisa trafegar pelo local. Com um adendo do blog, não é a primeira vez que publicamos matérias com as mesmas reclamações, e pelo andar da carruagem não será a última, e os motivos são inúmeros, como por exemplo renovar o mandato do atual governador.

Por Pedro Araújo/Fotos: Gutemberg Fontes e Simplício Sá | Via PE Notícias

Social