Petrolândia Notícias: Secretário de Saúde revela expectativa para início da vacinação em Pernambuco na próxima semana

CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

quinta-feira, 14 de janeiro de 2021

Secretário de Saúde revela expectativa para início da vacinação em Pernambuco na próxima semana

 

Abrigando 4,57% da população brasileira, Pernambuco vive a expectativa de receber, já na próxima semana, em torno de 350 mil a 360 mil doses de vacina contra a Covid-19 para iniciar o processo de imunização de grupos prioritários. 

Isso porque, neste domingo (17), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) se reúne para decidir a autorização do uso emergencial no Brasil da Coronavac, do laboratório chinês Sinovac, com produção nacional do Butantan, e da vacina da Astrazeneca/Oxford, do Reino Unido, com parceria junto à Fiocruz. 

O secretário de Saúde de Pernambuco, André Longo, disse que, em caso de resposta positiva da Anvisa, estima que o Ministério da Saúde inicie o plano logístico de distribuição para os estados na próxima semana. 

Nesta quinta-feira (14), o comitê pernambucano à frente do plano operacional estadual se reúne novamente, na intenção de bater o martelo sobre os detalhes ainda em aberto. 

Longo garantiu que, após chegarem a Pernambuco, as doses devem ser entregues rapidamente aos municípios, seguindo a mesma logística que está sendo aplicada na distribuição das seringas e agulhas, iniciada na terça-feira (12) e com previsão de conclusão até esta sexta-feira (15). 

“Se todas as vacinas que o Ministério diz estarem prontas (oito milhões) puderem ser distribuídas na próxima semana, vamos estar recebendo algo em torno de 350 a 360 mil doses, que é o correspondente a 4,57% de oito milhões de vacinas (seis milhões de Coronav/Butantan e dois milhões de Astrazena/Oxford/Fiocruz). Isso nós temos condições de distribuir rapidamente tão logo chegue. Estabelecemos um teto de quatro dias, mas acreditamos que, entre 24 horas a 48 horas após a chegada dos insumos, teremos condições de estar iniciando a vacinação em nosso Estado”. 

Via PE Notícias