Trending


CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES ATUALZADO

JAQUES ATUALZADO

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CODIGO ADSENSE SITE RÁPIDO

Social



sexta-feira, 6 de novembro de 2020

Santa Maria da Boa Vista: Primeira-dama admite ter recebido auxílio emergencial, mas diz que prefeito não sabia


Na reta decisiva da campanha, o prefeito e candidato à reeleição em Santa Maria da Boa Vista (PE), Humberto Mendes (PSB), ficou na berlinda, após denúncia de que a primeira-dama do município está na lista de beneficiários do auxílio emergencial. O Blog do Magno, que divulgou a notícia, teve acesso a informações no portal da transparência constatando que, entre maio e agosto deste ano, Gerlândia Delmondes Ventura recebeu quatro parcelas de R$ 600,00 totalizando R$ 2.400,00.

Segundo o portal da transparência de Santa Maria da Boa Vista, o salário do gestor é de R$ 18 mil. Além de administrar a cidade, Mendes é auditor fiscal da Fazenda em Pernambuco, cuja remuneração chega a R$ 33.909,56, conforme dados do portal da transparência do governo do Estado.

O auxílio emergencial foi criado pelo governo federal para dar proteção emergencial a trabalhadores informais e autônomos no período de enfrentamento à crise causada pela pandemia do novo coronavírus. O benefício não é concedido para pessoas que pertencem a famílias com renda superior a R$ 3.135. Justamente por ser casada com o prefeito, Gerlândia Delmondes recebeu indevidamente os valores. O Blog do Magno apurou que o casal vive junto desde 2015.

Explicação

Em contato com a assessoria da prefeitura, a explicação foi a de que a primeira-dama deu entrada no auxílio sem o conhecimento do prefeito, que só ficou sabendo no último domingo (1), quando ela resolveu contar. De imediato Humberto pediu para que ela devolvesse os valores referentes às parcelas que ela recebeu, afirmando que não concordava com a atitude da esposa.


Via Blog do Magno

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente!