Petrolândia Notícias: O saudoso Vavá deverá receber título de Patrono do Futebol de Pernambuco

CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES ATUALZADO

JAQUES ATUALZADO

CODIGO ADSENSE SITE RÁPIDO

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

terça-feira, 29 de setembro de 2020

O saudoso Vavá deverá receber título de Patrono do Futebol de Pernambuco


O saudoso ex-jogador recifense Edvaldo Izídio Neto, mais conhecido como Vavá e apelidado de “Peito de Aço”, que faleceu em 2002, deverá receber o título de Patrono do Futebol Pernambucano se o Projeto de Lei do deputado Professor Paulo Dutra for aprovado na Assembleia Legislativa do Estado.

Quem foi Vavá?

Vavá, também apelidado de Peito de Aço por sua forma briosa de jogar, iniciou sua carreira como meia no América-PE em 1948, passando depois pelo Íbis e pelo Sport Club do Recife. Em 1952 foi contratado pelo Vasco da Gama e passou a atuar como atacante. Tornou-se um dos maiores artilheiros da história do clube carioca com 191 gols.

Por seu impressionante reflexo, faro de gol e vigor físico, chamou atenção da Europa durante a Copa do Mundo e foi negociado com o Atlético de Madrid. Dos brasileiros que estiveram em campo na grande final da Copa de 1958 foi o mais bem-sucedido no futebol europeu: ganhou duas Copas del Rey consecutivas (1959–1960 e 1960–1961) batendo o Real Madrid em ambas as decisões, e foi vice-artilheiro da Liga dos Campeões de 1958–59.

Bicampeão mundial de futebol, é, ao lado do também pernambucano Ademir de Menezes, o terceiro maior artilheiro da Seleção Brasileira na história das Copas do Mundo, com nove gols marcados em 1958 e 1962 — número que só veio a ser superado por Pelé em 1970 e Ronaldo em 2002.

Via PE Notícias

Social