CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES ATUALZADO

JAQUES ATUALZADO

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CODIGO ADSENSE SITE RÁPIDO

quinta-feira, 17 de setembro de 2020

Família procura menina de 14 anos que fugiu de casa em Paulista, PE

Raissa Victoria tem 14 anos e saiu de casa - Foto: Cortesia

Familiares de Raissa Victória Ferreira Bezerra, de 14 anos, procuram pela adolescente, que fugiu de casa na madrugada desta quinta-feira (17). A menina mora com a irmã, o marido da irmã e um primo de dois anos no bairro de Jardim Paulista, em Paulista, na Região Metropolitana do Recife.

Segundo a coordenadora de manutenção e irmã de Raissa, Nayara Vasconcelos, de 29 anos, uma queixa foi registrada na Delegacia de Paulista. "Eu me acordei por volta da 1h e ela estava em casa. Quando eu e meu esposo acordamos às 5h para ir trabalhar, vimos as portas de casa abertas", disse, acrescentando que a menina saiu com roupas, documentos e uma mochila.

Qualquer informação sobre o paradeiro de Raissa pode ser repassada à família, nos números (81) 9.8794-3141 e (81) 9.8867.2563.

Nayara acrescenta que Raissa não tem celular e vinha apresentando comportamento considerado "rebelde". "Inclusive [Raissa] está sendo acompanhada por um médico, que pediu para que eu marcasse um psicólogo. Ontem [quarta-feira, 16] marquei para ela", explica. 

"Ela gosta muito de exibir o corpo dela. Essa é uma das minhas preocupações. Ela gosta de tirar foto de biquíni e ouvir músicas vulgares. Eu era uma das pessoas que vinha tentando combater [esse comportamento], não sei se ela me via como inimiga", acrescentou a irmã. "Quando acordei vi que ela estava tirando foto de calcinha e sutiã e perguntei se para mandar e para quem", finalizou Nayara.

Em nota encaminhada à reportagem, a Polícia Civil de Pernambuco confirmou que o desaparecimento de Raissa foi registrado na Delegacia de Paulista. "O caso ficará afeto a GPCA [Gerência de Polícia da Criança e do Adolescente de Paulista", diz a corporação. "A Polícia Civil informa que o caso está em investigação e maiores explicações serão repassadas após o término do inquérito para não atrapalhar as investigações", completa o texto da nota.

Os familiares lançaram campanha nas redes sociais para tentar localizar o paradeiro de Raissa. A irmã foi a pontos da cidade como o TI Pelópidas e a escola dela para procurar, mas sem sucesso. Imagens de câmeras de segurança das redondezas da casa da família também foram vistas.

Por Portal Folha de Pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente!