Trending


CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES ATUALZADO

JAQUES ATUALZADO

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CODIGO ADSENSE SITE RÁPIDO

Social



domingo, 16 de agosto de 2020

Covid-19: Pernambuco terá uma fiscalização mais dura nos bares


A promessa é de uma fiscalização mais severa nos bares. O secretário estadual de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico, disse, neste sábado, que o Procon-PE vai ser “intransigente” na aplicação de multa dos estabelecimentos que não estiverem cumprindo os protocolos definidos pelo governo de Pernambuco, como o distanciamento social e o horário restrito até às 22 horas.

O Procon Pernambuco realizou uma fiscalização, na última sexta-feira (14) à noite, em lojas de conveniência, bares e restaurantes para verificar se os estabelecimentos estão cumprindo os protocolos do Governo de Pernambuco. A equipe encontrou nove latas de água tônica e 56 latas de cerveja vencidas em duas lojas de conveniência , uma em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife, e outra, no Espinheiro, Zona Norte.

“Os bares com música ao vivo estão tentando descumprir este horário. As pessoas têm que entender que isso foi estabelecido não para punir ou constranger as pessoas. Mas para garantir a saúde que é um bem superior a qualquer bem comercial”, afirmou.

“A população está cansada, mas precisa entender que esses protocolos são necessários para a preservação da saúde e da vida. Pernambuco está em uma curva decrescente com relação ao coronavírus, mas para manter essa curva em queda tem que continuar com esses protocolos”, comentou o gestor. Ele informou também que os estabelecimentos que estiverem descumprindo as regras do distanciamento social poderão passar por novas fiscalizações.

Segundo o secretário, os jovens são os que mais se insurgem contra essas regras. “Os jovens têm a vã ilusão de que são imortais. Mas eles podem contribuir com o aumento dos casos ao contaminar os pais e os avós”, lamentou. Muitos pais e avós são grupos de risco ao coronavírus por causa da idade e também por terem algumas comorbidades, como diabetes, pressão alta etc.

Dos bares fiscalizados, apenas no Cais RoofTop foi encontrado uma irregularidade: 11 bandejas de morango sem informações de data de validade na embalagem. A fiscalização também constatou falta de sinalização para distanciamento social nas filas das lojas de conveniência e talheres dispostos sem a proteção. Os estabelecimentos irregularidades foram notificados pelo órgão de defesa do consumidor. 

Se o consumidor perceber qualquer irregularidade, pode fazer uma denúncia o consumidor pode ligar para o 0800.282.1512 ou 3181.7000.

Via PE Notícias


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente!