CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES ATUALZADO

JAQUES ATUALZADO

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CODIGO ADSENSE SITE RÁPIDO

segunda-feira, 15 de junho de 2020

Sara Winter, líder do movimento 300 do Brasil, é presa pela PF em Brasília


A ativista, e líder do movimento "300 do Brasil", Sara Winter foi presa em Brasília pela Polícia Federal. As informações são da coluna Painel, do jornal Folha de São Paulo, desta segunda-feira (15). Segundo a publicação, o mandado de prisão foi autorizado pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

A operação da PF cumpre seis mandados de prisão. 

Entre os recentes episódios protagonizados por Sara Winter, que usa como pseudônimo o sobronome da espiã britânica nazista (Sarah Winter), estão as ameaças - inclusive de agressão física - ao ministro do STF Alexandre de Moraes, responsável por ordenar o mandato de busca e apreensão não só contra a militante, mas também contra outros deputados e apoiadores bolsonaristas. Após esse episódio, ela foi expulsa do partido Democratas. 

Uma das lideranças do acampamento pró-Bolsonaro em Brasília, "300 pelo Brasil", Sara comandou um ato em direção ao STF, com pessoas empunhando tochas de fogo e cobertas com máscaras brancas, semelhante aos protestos de grupos supremacistas brancos, como a Ku Klux Klan, nos Estados Unidos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente!