CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES ATUALZADO

JAQUES ATUALZADO

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CODIGO ADSENSE SITE RÁPIDO

sexta-feira, 12 de junho de 2020

Homem é preso suspeito de vender água desviada de ligação clandestina para pessoas de baixa renda, em Caruaru

Compesa identificou uma ligação clandestina no bairro Serranópolis — Foto: Compesa/Divulgação

Um homem foi preso suspeito de vender água desviada de uma ligação clandestina em Caruaru, no Agreste. De acordo com a Companhia Pernambucana de Saneamento, a água era vendida para pessoas de baixa renda, no loteamento Serranópolis. O caso ocorreu na segunda (8), mas as informações foram repassadas na quarta-feira (10).

O crime foi identificado durante uma ação conjunta da Compesa com as polícias Militar e Civil. Ainda segundo a companhia, o suspeito distribuía a água irregularmente a dezenas de famílias da localidade e cobrava uma taxa pelo fornecimento.

“Estamos fazendo o levantamento de quanto o acusado lucrava, por mês, com a venda ilegal da água e há quanto tempo ele estava cometendo esse crime”, afirmou o gerente da Unidade de Negócios da Compesa Agreste Central, João Raphael Queiroz.

A ação ilegal prejudica diretamente os moradores dos bairros vizinhos. “Temos recebido, ultimamente, reclamações de falta de água no bairro São José e parte das Rendeiras, e começamos a suspeitar que ligações clandestinas estariam prejudicando moradores dessas áreas. Investigamos e chegamos ao flagrante”, informou João Raphael.

Denúncias de irregularidades podem ser realizadas, de forma anônima, pelo site da Compesa, acessando os menus Canal de Denúncias ou Ouvidoria, e ainda por meio do 0800 081 0195.

Do G1/Caruaru

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente!