CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES ATUALZADO

JAQUES ATUALZADO

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CODIGO ADSENSE SITE RÁPIDO

segunda-feira, 13 de janeiro de 2020

Em entrevista ao blog Petrolândia Notícias, professor Ronald agradece doações para compra de prótese, e reforça que a campanha #TodosPorRonald continua [Vídeo]

Foto: Reprodução

Em entrevista na noite dessa sexta-feira (10) ao blog Petrolândia Notícias, o professor e colaborador do nosso blog, professor Ronald Torres, fez um balanço da Campanha #TodosPorRonald e agradeceu a colaboração das centenas de pessoas envolvidas nesses pouco mais de três meses de campanha

Ronald iniciou fazendo um balanço das doações da campanha e agradeceu aos colaboradores. Segundo ele, isso é uma maneira de prestar conta a população petrolandense e de outras cidades pelo dinheiro recebido: “Nesses últimos dias a gente conseguiu bater a marca dos vinte mil reais, em quatro meses de campanha. Foram muitas ações, centenas de pessoas envolvidas e aí nada mais justo do que  agora a gente também fazer uma entrevista pra poder agradecer essas pessoas que contribuíram. É uma maneira também da gente prestar conta do dinheiro que a gente recebeu. Embora a campanha é voluntária, mas eu me sinto na obrigação de compartilhar as informações de dizer as pessoas em que “pé” a campanha está, e que o objetivo da compra da prótese está mais próximo” disse.

Sobre a sua cirurgia de amputação da perna esquerda, o professor Ronald falou da data e que ele está se organizando para que ocorra tudo bem durante esse período: “Em dezembro eu agendei a data da cirurgia, tá agendada agora pra próxima quinta-feira, dia dezesseis de janeiro. Já tá marcado, tudo certinho, no próximo dia doze eu já estou indo a Recife, pra poder fazer os procedimentos pré-operatórios, todos os exames, descansar também fisicamente pra no dia dezesseis tá tudo certo”. 

Sobre a compra da prótese que custa entre 35 e 40 mil reais, Ronald disse qual será o desafio a partir de agora para conseguir pagar o equipamento, já que ele só conseguiu arrecadar metade do valor: “Eu ainda conto com a colaboração, com a ajuda e com a solidariedade de outras pessoas, porque até o dia da gente pagar essa prótese, se Deus permitir a gente esteja com o valor todo, pra não precisar deixar nada lá. Mas, se por algum motivo eu não tiver condições de arrecadar o dinheiro todo, eu vou fazer desses vinte mil que eu já tenho, dar de entrada e tentar ampliar a forma de pagamento pela quantidade maior de meses possível”.

E disse que ainda conta com as doações e que a campanha vai continuar: “Eu não vou estar aqui presente, infelizmente ou felizmente, em vou estar em Recife fazendo já os procedimentos  e a cirurgia, mas, tem várias pessoas, que campanha não é só minha, a campanha tem várias outras pessoas envolvidas. Todas as pessoas ainda que estão envolvidas vão estar conduzindo ações da campanha, agora mesmo, tudo indica que a gente vai ter um evento aqui na zona rural de Petrolândia, lá nas agrovilas do Limão Bravo. E a campanha vai continuar, com a venda de camisas, com os depósitos, eu não vou poder tá a frente porque vou estar ausente, mas a campanha ainda vai continuar até o dia que agente comprar a prótese, colocar no lugar e dar os primeiros passos e pagá-la, que é o mais importante” disse o professor.

Antes de finalizar, Ronald agradeceu os colaboradores da cidade e da região que se envolveram diretamente na sua luta pela saúde. Além de várias pessoas anônimas, figuras de destaque no meio social e político também se dispuseram a ajudar. Sobre esses colaboradores, o professor disse: “São pessoas que eu não poderia jamais, não posso contar a minha história sem falar delas [...] Luciano da Eletroléo, foi um camarada que me ligou, entrou em contato comigo, eu não o conhecia pessoalmente, tive a oportunidade de conhece-lo, foi lá, perguntou de que forma poderia me ajudar doou um objeto lá da Eletroléo pra gente fazer uma rifa [...] Outra pessoa é Wesley aqui da Agrovila quatro, que é lá da  Assembléia de Deus, fez uma campanha lá pra gente, teve uma contribuição muito importante, não só financeira, mas assim, de prática mesmo, de solidariedade [...] Iolanda da Escola Icó-Mandantes, que é uma pessoa também minha amiga pessoal, tive a oportunidade de trabalhar com ela, mas é uma pessoa também sempre teve a frente, torcendo por mim”.

E continuou: “Iranice da COECIM. Joildo diretor da Escola Municipal Jurema. Vereador de Petrolina Ronaldo Silva, também que é meu amigo pessoal antes mesmo de ter mandato, natural daqui de Petrolândia [...] A ex-prefeita de Floresta, Rorró Maniçoba que ficou sabendo por rede social, mandou mensagem pra mim, me recebeu em sua residência, se dispôs a me ajudar [...] O deputado e atual secretário estadual de Turismo Rodrigo Novaes, tivemos uma boa conversa, me recebeu lá na residência do assessor dele em Floresta também, disse que ia ampliar também as redes de contato pra gente poder chegar mais próximo ao nosso objetivo [...] E também por último o professor Evaldo, vereador daqui da Câmara de Petrolândia, que é o meu amigo pessoal, pessoa pela qual eu tenho muito apreço. Conheço o professor Evaldo não é de hoje, antes dele ter mandato nós já éramos amigos [...] Então a todas essas pessoas o meu muito obrigado!”

Veja a entrevista completa:




Redação: Ronald Torres/Colaborador|Vídeo: Alex Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente!