CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES

JAQUES

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

quarta-feira, 9 de janeiro de 2019

'Unidos vai ser muito mais fácil', diz Paulo Câmara sobre Bolsonaro

Paulo Câmara/Foto: Rafael Furtado / Folha de Pernambuco

Após reunião com a bancada federal do PSB, o governador Paulo Câmara concede entrevista exclusiva, conduzida pelo jornalista Joffre Melo, com participação da colunista de Política Renata Bezerra de Melo, no programa Folha Política, da Rádio Folha FM (96,7), o governador procurou adotar o tom conciliador. 

Na entrevista, Paulo Câmara disse que ainda aguarda a a reunião que solicitou com o presidente. "Quando se pede uma audiência ao presidente da República, a gente sabe que não é imediata a resposta, estamos aguardando", afirmou. Segundo o governador, existem "projetos estruturadores" para Pernambuco que ele pretende apresentar a Bolsonaro.

Paulo Câmara minimizou a alfinetada de Bolsonaro em entrevista ao SBT, direcionada aos governadores do Nordeste e se disse surpreso com a informação de que os governadores nordestinos se recusaram a colocar a sua foto oficial nos gabinetes, dizendo que ele não era "o presidente deles", e que esperava que eles "não viessem pedir nada". Paulo se disse surpreso pois não existe o protocolo de colocar foto presidencial em gabinetes dos governadores. Em relação a ausência na posse do presidente, o governador explicou que a sua própria posse foi no mesmo horário, por isso não pode comparecer.

Sobre a carta enviada pelos governadores do Nordeste a Bolsonaro, no final do ano passado, Paulo esclareceu que a intenção do grupo não foi criticar Bolsonaro, mas apontar as demandas da região. "Em momento nenhum foi uma forma de fazer algum tipo de represália a governo federal", disse. 

Via FolhaPE