CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES

JAQUES

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

sábado, 1 de dezembro de 2018

Morre aos 94 anos George W. H. Bush, ex-presidente dos Estados Unidos


Morreu nesta sexta-feira (30), aos 94 anos, o ex-presidente dos Estados Unidos George Herbert Walker Bush. A informação foi confirmada por seu porta-voz, Jim McGrath, pelo Twitter.  As causas da morte não foram divulgadas.

Filho e também ex-presidente, George W. Bush divulgou uma declaração na qual lamenta, em nome de seus irmãos, a morte do pai.

“George H. W. Bush foi um homem do mais alto caráter e o melhor pai que um filho ou filha poderia querer. Toda a família Bush está profundamente agradecida pela vida e pelo amor do 41º, pela compaixão daqueles que rezaram por nosso pai e pelas condolências de amigos e cidadãos”, afirmou em nota.  

Em Buenos Aires para a cúpula do G-20, o atual presidente Donald Trump lamentou a morte de Bush. No comunicado, divulgado pelo Twitter, o republicano elogiou o ex-presidente por sua “liderança inabalável” e pela condução para uma “conclusão pacífica e vitoriosa da Guerra Fria”.

Também pelo Twitter, o democrata Barack Obama afirmou que a “América perdeu um patriota e humilde servo” e cumprimentou a família do ex-presidente. “Nossos corações estão pesados hoje, mas também estão cheios de gratidão. Nossos pensamentos estão com toda a família Bush hoje e com todos que foram inspirados pelo exemplo de George e Barbara”, afirmou o ex-presidente. Em 2011, quando ainda ocupava a Casa Branca, Obama homenageou Bush com a Medalha Presidencial da Liberdade.

No início de 2018, George W. H. Bush ficou quase duas semanas internado em um hospital no Texas por conta de uma infecção sanguínea. Na oportunidade, ele foi hospitalizado poucas horas depois de comparecer ao funeral de sua mulher, a ex-primeira-dama Barbara Bush, que morreu no dia 17 de abril.

O ex-presidente sofria de um tipo de Parkinson que lhe causava dificuldade para caminhar e foi hospitalizado em diferentes ocasiões nos últimos anos. Em 2016, foi internado por problemas respiratórios. Em 2015, rompeu uma vértebra do pescoço após sofrer uma queda.

Via PE Notícias