CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES

JAQUES

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

sábado, 10 de novembro de 2018

Vídeo: Um ano após demissão, William Waack ataca TV Globo: “Ninho de cobras”

(Foto: reprodução/TV Globo)

Após ter sido demitido da TV Globo por causa da repercussão negativa de um comentário considerado racista, o jornalista William Waack disparou contra a emissora. Em entrevista ao canal Pingue-Pongue do também jornalista Marcelo Bonfá, nesta sexta-feira (09), o ex-âncora disse que a antiga emissora é um “ninho de cobras”.

“Qualquer grande empresa é [um ninho de cobras]. Como se falava na minha época, lá no Correios e Telégrafos também é assim. Qualquer grande empresa tem pessoas de extraordinária capacidade e de caráter muito bom, e qualquer grande empresa terá também canalhas inomináveis, e acho que isso aí se aplica como regra da humanidade”, disse.

O jornalista ainda comentou o caso em que foi acusado de racismo, mas alegou que o comentário não lhe rendeu inimigos. “Ao contrário, ganhei vários [amigos]. Acho que a esmagadora maioria das pessoas percebeu que aquilo era uma piada de boteco, dita no ouvido de um amigo. Sussurrado como todo mundo faz depois de tomar duas cervejas e brincar. Aquilo evidentemente foi roubado de um servidor interno da TV Globo e fizeram o uso que fizeram”, minimizou.

Em um vídeo gravado em 2016, nos Estados Unidos, e vazado no ano seguinte mostra Waack irritado com um “buzinaço” que estava acontecendo na rua, próximo ao local em que ele estava trabalhando. “Tá buzinando por quê, seu merda do cacete? Eu não vou nem falar, porquê eu sei quem é né… Sabe quem é, né? Sabe quem é? Isso é coisa de preto”, falou na época.


Via Varela Notícias