CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES

JAQUES

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

segunda-feira, 22 de outubro de 2018

Governador Paulo Câmara recebe o deputado eleito Fabrízio Ferraz

Deputado estadual eleito, Fabrízio Ferraz (PHS-foto), que chegará à Assembleia Legislativa com apenas 17.729 votos, já foi recebido em Palácio por Paulo Câmara, a quem comunicou que fará parte da futura bancada governista. Ele foi acompanhado pelo prefeito de Floresta, Ricardo Ferraz (PRP) e o secretário de Projetos Especiais da PCR, João Guilherme Ferraz.

Fabrízio Ferraz obteve menos votos que 10 deputados que não foram reeleitos: Socorro Pimentel (PTB), Zé Humberto (PTB), Augusto César (PTB), Dr. Valdi (PP), Vinicius Labanca (PP), Beto Acyoli (PP), João Eudes (PP), Zé Maurício (PP), Eduíno (PP) e Ricardo Costa (PP).

Dos 25 deputados federais eleitos em Pernambuco, o que teve menos votos foi Fernando Rodolfo (PHS): 52.824. Tiveram mais votos do que ele, mas não foram reeleitos, os deputados João Fernando Coutinho (PROS), Kaio Maniçoba (SD) e Zeca Cavalcanti (PTB).

Tiveram menos de 1/3 dos votos que esperavam os deputados federais não reeleitos Adalberto Cavalcanti (37.369), Marinaldo Rosendo (36.367) e Betinho Gomes (20.026). O candidato André Carvalho (PPS), diretor da Rádio Maranata, obteve apenas 25.223.

Ainda não foi desta vez que o Sertão do Araripe conseguiu eleger um filho da terra para a Câmara Federal. O presidente do CREA, Evandro Alencar (PRTB), de tradicional família de Araripina, não conseguiu sensibilizar os conterrâneos. Obteve apenas 9.112 votos.

Uma das apostas do PT nessas eleições era o deputado estadual Odacy Amorim, que pleiteou uma vaga na Câmara Federal. Ele obteve apenas 40.050 votos. Já sua mulher, Dulcicleide (PT), elegeu-se para a Assembleia Legislativa com apenas 22.359 votos.


Por Inaldo Sampaio