CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES

JAQUES

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Cid Gomes vai ao TSE contra uso de sua imagem em programa de Bolsonaro


Depois de ter criticado o PT, durante ato pró-Haddad realizado no Ceará, na última segunda-feira (15), e de ter usado as redes sociais para explicar as declarações, ontem (16), o senador eleito Cid Gomes também decidiu recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra o uso de sua imagem pela campanha de Jair Bolsonaro.

O candidato à Presidência pelo PSL mostrou o discurso do irmão de Ciro Gomes em seu programa eleitoral, que foi ao ar nesta terça-feira (16).

Para os advogados do senador eleito, Bolsonaro fez uso de “ardiloso artifício para tentar repassar à população fatos que não condizem com a realidade”. As informações são da coluna Painel, da Folha de São Paulo.

Além disso, segundo a defesa, a campanha do capitão reformado infringiu a lei eleitoral porque não poderia transmitir propaganda com a imagem de candidato que pertence a partido que declarou apoio a outro.

“A adoção desse tipo de publicidade, direcionando à classe menos informada ideia falsa, ou pelo menos incompleta, que poderá levar milhares de brasileiros à erro, tudo com o claro intuito de angariar, mesmo que de forma vil, o voto da população mais carente, deve ser reprovada!”, diz parte da peça.

Ainda há reclamação quanto à edição do material que, segundo os advogados de Gomes, cortou trechos do discurso em que ele faz elogios a Haddad. A campanha de Bolsonaro pretende repetir o material nesta quarta-feira (17).

Via PE Notícias