CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES

JAQUES

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

sexta-feira, 21 de setembro de 2018

Pesquisa acende sinal de alerta para Paulo Câmara


O resultado da pesquisa Datafolha, publicado nesta quinta-feira (20), acendeu o sinal de alerta na Frente Popular, encabeçada pelo governador Paulo Câmara (PSB), candidato à reeleição. Enquanto o governador variou de 34% para 35%, o adversário Armando Monteiro Neto (PTB), também candidato ao governo, subiu de 25% para 31%, travando um empate técnico. Apesar do otimismo relativo aos resultados de outras pesquisas anteriores – e as internas -, a campanha socialista segue “confiante”, mas deve marcar mais presença nas ruas e intensificar o volume nos grandes centros.

O presidente estadual do PSB, Sileno Guedes, um dos coordenadores da campanha, afirmou que os resultados das pesquisas não pautam a campanha de Paulo Câmara. “As pesquisas influenciam pouco a campanha e a estratégia permanece a mesma. Já era previsto (intensificar) na reta final”, ponderou. “O trabalho precisa ser intensificado, sobretudo, nos grandes centros”, declarou o deputado estadual Isaltino Nascimento (PSB), líder do governo na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe).

A ligação com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e com o ex-prefeito Fernando Haddad (PT), candidato à Presidência da República, também seguem como trunfos para a manutenção de confiança dos socialistas. Neste sábado, Câmara e Haddad vão realizar atos no Recife; em Caruaru, no Agreste – maior colégio eleitoral fora da Região Metropolitana, com 216.900 eleitores -, e Petrolina, no Sertão – segundo maior colégio fora do Região Metropolitana do Recife, com 198.599. As cidades são os principais polos nas respectivas regiões.

Nos bastidores, avalia-se que não houve nenhum fato relevante para alteração de cenário e a pesquisa destoou das demais, inclusive, na disputa ao Senado Federal. Mas, em reserva, socialistas destacaram que o volume da campanha majoritária e material no interior do Estado estaria aquém do que julgam ideal e acreditam que o resultado dará uma chacoalhada na campanha nesta reta final.

À noite, Câmara realizou uma caminhada de Prazeres a Cajueiro Seco, em Jaboatão dos Guararapes. Com a sinalização de aproximação entre as duas principais candidaturas, o socialista reforçou a imagem dos aliados para se diferenciar do adversário. “Essa eleição tem dois lados muito diferentes. Esse lado que está aqui com vocês que é o de Miguel Arraes, de Eduardo Campos, do presidente Lula e Haddad. E o outro lado é a oposição que quer fazer em Pernambuco o mesmo que fez no Brasil”, declarou ele. Câmara, todavia, não comenta pesquisa.

Via FolhaPE