CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES

JAQUES

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

sexta-feira, 24 de agosto de 2018

Após dois anos, Floresta retoma exposição de caprinos e ovinos

Floresta, a 434 quilômetros do Recife, volta a realizar a Exposição Regional de Caprinos e Ovinos, que não acontecia há dois anos devido à seca que assola o Sertão pernambucano. O evento promovido pela prefeitura municipal está na 28ª edição e deve reunir, até o próximo domingo, cerca de 1,2 mil animais em 116 baias e movimentar mais de R$ 1,5 milhão, entre comercialização de bichos, produtos agrícolas, rede hoteleira e mercado em geral.

O município sertanejo conta com um dos maiores rebanhos de caprinos do Brasil. Em 2016, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), era o segundo do ranking nacional. O rebanho tinha 336,7 mil animais. Casa Nova, na Bahia, ocupava o primeiro lugar, com 468,2 mil animais, enquanto Petrolina, também no semiárido estadual, contabilizava 238 mil animais. Naquele ano, 20 dos 50 municípios brasileiros com maiores quantidade de caprinos estavam em Pernambuco.

“A volta da exposição vai atingir diretamente não só a região de Itaparica, mas todo o Sertão de Pernambuco e outras cidades do Nordeste”, diz Túlio Laranjeira, secretário de Agricultura de Floresta. A retomada, acrescentou, irá valorizar a cultura caprinovinocultura e fazer a economia girar.

Geovanildo Antônio de Souza Leal, agricultor e zootécnico, viu nas mudanças climáticas a oportunidade de fazer negócios pela primeira vez na exposição. “Como deu uma chuvadinha, criou pastagem. Com isso, vejo que o pessoal está querendo voltar a criar animais e aumentar o rebanho”, conta entusiasmado. O agricultor vem fazendo cruzamento de ovinos dorper mestiços e vai negociar seis reprodutores e dez novilhas na exposição. Os machos serão vendidos a cerca de R$ 400 e as fêmeas, R$ 350.

Para Fabiana Dantas, zootecnista e professora do Instituto Federal do Sertão Pernambucano, a exposição agropecuária de Floresta é um momento para o compartilhamento de experiências e local de aprendizado. “Todos os setores dentro da cadeia produtiva se encontram. É uma oportunidade do consumidor da ponta da cadeia produtiva ver todos os elos, e de alunos, técnicos, professores, e produtores trocarem informações”, ressalta.

Além da exposição dos caprinos (cabras, bodes e cabritos) e ovinos (ovelhas, carneiros e borregos), a feira, com o apoio do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA) e de empresas do ramo do agronegócio, contará com julgamento, desfile e venda de animais de alto padrão genético, torneio leiteiro, concurso de peso, prova de laço, comercialização de produtos agropecuários e culinária regional. A premiação ultrapassa R$ 50 mil. Os produtores rurais poderão participar ainda de oficinas, palestras e cursos ministrados em parceria com instituições de ensino e extensão rural.

Nos quatro dias de evento, o Parque de Exposição de Floresta também será palco de atrações musicais. Entre elas, a cantora Solange Almeida (ex- Aviões do Forró) e o cearense Avine Vinny. A organização prevê um público de 20 mil pessoas por noite.

Confira a programação da 28ª Exposição de Caprinos e Ovinos de Floresta:

Quinta-feira (23)
6h – Torneio Leiteiro: 1ª ordenha
14h às 17h – Julgamento das raças Toggenburg e Saanen
18h – Torneio Leiteiro: 2ª ordenha
19h – Abertura Oficial da 28ª Exposição Regional
20h – Shows com Kêco e Banda; e Filipe Santos.

Sexta-feira (24)
6h – Torneio Leiteiro: 3ª ordenha
8h às 12h – Julgamento das raças Boer e Santa Inês
14h às 18h – Julgamento das raças Boer e Santa Inês
14 às 18h – Prova de laço e julgamento dos participantes inscritos
18h – Torneio Leiteiro: 4ª ordenha
20h – Shows com DJ Xavier;,Avine Vinny; e Solange Almeida.

Sábado (25)
6h – Torneio Leiteiro: 5ª ordenha
8h às 12h – Julgamento das raças Anglo-Nubiana e Dorper
14h às 18h – Julgamento das raças Anglo-Nubiana e Dorper
18h – Torneio Leiteiro: 6ª ordenha
20h – Shows com Marquinhos Maraial; Forró do Muído; e Ciel Rodrigues.

Domingo (26)
8h às 12h – Campeonato de Peso
8h às 12h – Julgamento da raça Berganês e das raças nativas Moxotó e Canindé
15h – Entrega de troféus
16h – Liberação dos animais
17h – Encerramento Oficial da 28ª Exposição Regional de Caprinos e Ovinos de
Floresta

Via Diário de Pernambuco