CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES

JAQUES

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

sexta-feira, 27 de julho de 2018

Paciente com câncer se casa em hospital de Maceió e morre 4 dias depois (Vídeo)

Casamento no hospital emocionou familiares e amigos (Crédito: Reprodução / Vídeo)

O casamento é a celebração de uma união que pode ser para toda a vida ou para além dela. E foi essa união, entre Rosecledson de Melo e Daniela de Melo, que foi celebrada no último sábado, 21, com uma cerimônia na Santa Casa, no Prado, em Maceió. Quatro dias depois, nesta quarta-feira, 25, ele não resistiu à doença e morreu.

Diagnosticado com câncer terminal no estômago e internado havia um mês na unidade Rodrigo Ramalho, Rosecledson aceitou se casar com a noiva, apesar de todas as dificuldades enfrentadas pelos dois por conta do tratamento.

O casamento foi marcado pela emoção dos familiares, amigos e especialmente dos noivos e teve os momentos mais marcantes registrado em um vídeo, publicado no fim de semana na internet.

Assista ao vídeo do casamento:



Rosecledson e Daniela estavam juntos há um ano e meio. O casamento estava marcado para ocorrer na Igreja Nossa Senhora da Assunção, no Santo Eduardo, bairro do Poço, e já era um desejo antigo do casal mas, com o avanço da doença, os dois decidiram transferir a cerimônia para o hospital.

Foram reunidas mais de 100 pessoas entre amigos e familiares no estacionamento da unidade onde ele estava internado, que recebeu decoração, bolo, damas de honra, pajem e muitas mensagens de força e carinho.

Nas redes sociais, muitas pessoas se comoveram com a atitude do casal e da família. O vídeo teve mais de 1 mil compartilhamentos e 25 mil visualizações até esta quarta.


Rosecledson tinha 30 anos, dois filhos de um relacionamento anterior e era proprietário de uma empresa de transportes. Ele era natural de São José da Tapera, no sertão de Alagoas, mesma cidade da noiva.

A Santa Casa informou, por meio da assessoria de comunicação, que ainda não tem informações sobre o que fez agravar o quadro de saúde dele, nem quando o corpo será liberado para o velório.

Via PA4/Ozildo Alves