CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES

JAQUES

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

terça-feira, 10 de julho de 2018

Todos os 12 meninos e técnico foram resgatados da caverna na Tailândia

Os meninos que integram um time de futebol e estão sendo resgatados de uma caverna inundada na Tailândia são encaminhados para uma unidade hospitalar/Foto: Ivan Karadzic/Facebook

Todos os 12 meninos e seu técnico foram resgatados da caverna na Tailândia em uma delicada operação que foi concluída um pouco antes das 9h desta terça-feira (10), horário de Brasília. O terceiro dia da dramática operação de resgate para salvar o grupo que estava bloqueado há mais de duas semanas na gruta começou um pouco depois das 10h, horário da Tailândia, 0h de Brasília. 

Nesta última fase, os mergulhadores, agora mais acostumados com o percurso, conseguiram fazer o trajeto em menor tempo, mesmo tendo que caminhar, escalar e mergulhar em trechos apertados. Cada um foi removido por dois mergulhadores. Quatro membros da equipe de resgate e um médico que estava na caverna cuidando do grupo ainda não retornaram.

Neste último dia, 19 integrantes da equipe de resgate, que contou com 90 tailandeses e estrangeiros, entraram na caverna. Eles elogiaram a coragem do grupo de futebol Javalis Selvagens, que nunca tinham feito um mergulho deste tipo antes.

Os resgatados da caverna inundada são encaminhados para uma unidade hospitalar, onde são colocados em quarentena e passam por uma série de exames para saber se contraíram infecções. Todos usam óculos escuros e têm algum tipo de problema no pulmão, sendo que dois apresentam sintomas de pneumonia.

Eles são alimentados com sopa de arroz e devem ficar até sete dias hospitalizados. No café da manhã desta terça, no entanto, foi aberta exceção para alguns e eles puderam comer pão com chocolate.

Por conta do quadro de saúde, foi descartada a possibilidade de que eles viajem para assistir à final da Copa do Mundo, a convite da Fifa, no próximo domingo (15), em Moscou, na Rússia. "Não podem viajar, devem permanecer no hospital durante um tempo", declarou Thongchai Lertwilairatanapong, funcionário do ministério da Saúde da Tailândia, em uma primeira entrevista coletiva sobre o estado de saúde dos garotos.



Via FolhaPE