CLIMAGEM

CLIMAGEM

TRINDADE MÓVEIS

TRINDADE MÓVEIS

JAQUES

JAQUES

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CHURRASCARIA E HOTEL NILSON

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

sexta-feira, 8 de junho de 2018

PT divulga vídeo e jingle da pré-campanha de Lula à Presidência

O filme reúne imagens de caravanas do ex-presidente pelo País e une duas ideias: a da campanha pelo Palácio do Planalto e a de sua soltura/Foto: Reprodução

No dia anterior ao lançamento oficial da pré-candidatura de Lula à Presidência, que ocorre nesta sexta-feira (08) em Contagem (MG), o PT divulgou o primeiro vídeo e o jingle da pré-campanha, intitulado “É o Brasil feliz de novo”.

O filme reúne imagens de caravanas do ex-presidente pelo País e une duas ideias: a da campanha pelo Palácio do Planalto e a de sua soltura. Na descrição do vídeo, o PT escreve em seu canal do Youtube: “O povo brasileiro nunca sofreu tanto quanto agora. Mas essa tristeza vai ter fim! Lula está voltando e o Brasil vai ser feliz de novo! #OBrasilFelizDeNovo”.

“Olha lá, uma ideia ninguém pode aprisionar, um sonho cada vez mais livre, acesa a esperança vive, olha Lula lá”, diz a música.

A produção tem dois minutos e reúne frases de discursos de Lula antes de ser preso, no Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo do Campo. “Os poderosos podem matar uma, duas ou três rosas, mas jamais poderão deter a chegada da primavera”, é uma das frases citadas.

Confira o vídeo da pré-campanha:


Prisão de Lula
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva se entregou à Polícia Federal no dia 07 de abril, mais de 24 horas após o prazo determinado pelo juiz federal Sergio Moro. Lula permaneceu cercado de aliados no Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo do Campo, desde a noite do dia 05, quando foi emitido seu mandado de prisão.

Antes de deixar o sindicato, Lula discursou aos apoiadores em cima de um carro de som e disse: “eu não sou mais um ser humano. Eu sou uma ideia”. Então, voltou nos braços do povo para o prédio, onde almoçou com familiares.

De São Bernardo, Lula foi para o aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo, onde pegou um avião da Polícia Federal rumo a Curitiba. Do Aeroporto Afonso Pena, o ex-presidente foi levado para a Superintendência da Polícia Federal na capital paranaense. Lá, passou a primeira noite de prisão emuma sala especial preparada Lula cumprir o início de sua condenação por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Lula foi condenado em segunda instância no dia 24 de janeiro, no Tribunal Regional federal da 4ª Região, em Porto Alegre, e ainda sua pena aumentada para 12 anos e um mês de prisão. O ex-presidente foi condenado por conta da ação do tríplex no Guarujá, litoral de São Paulo, e só aconteceu por conta do encerramento da jurisdição criminal de segundo grau, ou seja, após terem sido esgotados os embargos de declaração. A decisão pela prisão, entretanto, ficou por conta da primeira instância.

Por Jovem Pam