CLIMAGEM

CLIMAGEM

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

SENHORINHA GÁS

SENHORINHA GÁS
O GÁS MAIS BARATO DA CIDADE

LOJA D' BRUM

LOJA D' BRUM

CLÍNICA ODONTOLÓGICA ANTÔNIA LOPES

CLÍNICA ODONTOLÓGICA ANTÔNIA LOPES
CIRURGIÃO DENTISTA DR. FÁBIO LOPES

CLÍNICA E LABORATÓRIO 'JAQUES'

CLÍNICA E LABORATÓRIO 'JAQUES'

POSTO DR COMBUSTÍVEIS

POSTO DR COMBUSTÍVEIS

LANCHONETE PATRIOTA

LANCHONETE PATRIOTA

NEGUINHA SALGADOS

NEGUINHA SALGADOS

Dra. MARIA RAPHAELA COUTO

Dra. MARIA RAPHAELA COUTO

DR. ÉRICO HEBERT

DR. ÉRICO HEBERT

DR. JEFFERSON TÉCIO

DR. JEFFERSON TÉCIO

FRIGORÍFICO JB

quinta-feira, 6 de julho de 2017

Sabonetes artesanais da artesã Ilga Carvalho de Petrolândia, são destaques na 18º Fenearte em Recife, PE


A artesã de Petrolândia, Ilga Carvalho já se encontra em Recife-PE, participando de mais uma edição da Fenearte, que teve inicio nesta quinta-feira, 06 de julho, no Centro de Convenção da capital pernambucana.

A artesã especialista em fabricação artesanal de sabonetes com várias formas, aromatizadores de ambientes, difusores, sais de banho, entre outros, expõe e vende o que há de melhor no seguimento de essência e cuidados com a higiene da pele. A artesã já participou de todas as 18 edições da feira, que a cada ano que se passa, surpreende a todos com a organização e crescimento, trazendo para pernambuco artesões e artesanatos de todo o Brasil.



Sobre
Apesar de estar em sua 18ª edição, a Feira Nacional de Negócios do Artesanato promete ser completamente outra. Serão mais de 5 mil expositores em 800 estandes, mais amplos e organizados. O resultado pode ser conferido a partir desta quinta-feira (6), das 14h às 22h.

A Fenearte escolheu como tema “A Arte é a Nossa Bandeira” e vai homenagear o ceramista pernambucano Manuel Eudócio, Patrimônio Vivo que faleceu no ano passado e era seguidor do estilo do Mestre Vitalino. Em seus onze dias, a feira deve atrair aproximadamente 300 mil pessoas. 

“Mudamos tudo e mais alguma coisa. Reformulamos para melhor o layout do espaço, ouvindo os pedidos dos visitantes. A feira está mais confortável e acessível”, garante o arquiteto e colecionador Carlos Augusto Lira, um dos 22 curadores desta edição. 

Fazendo jus ao tema, as apresentações culturais reunirão Patrimônios Vivos de Pernambuco, como Lia de Itamaracá, e grupos de diversas regiões do Estado de forma a valorizar a cultura pernambucana e afro-brasileira. Lia se apresenta no sábado, 15, logo após o grupo Maracambuco, às 20h. O palco fica na mesma área da praça de alimentação.

Além da ampliação dos corredores, a acessibilidade estará garantida por visitas guiadas gratuitas com Libras e audiodescrição. A cada dia serão abertas 20 vagas para pessoas com deficiência visual e 30 vagas para pessoas com deficiência auditiva. As visitas têm duração média de três horas.

Outra novidade é a reagrupação dos estandes por tipo, assim os artigos produzidos em madeira estão em uma só área, da mesma forma que artigos de renda, couro etc. “Setorizamos as tipologias de modo a ficar mais fácil percorrer a Fenearte. Os visitantes não precisarão correr para ver tudo. Podem sair e voltar com calma”, afirma Lira. 
A localização dos stands, programação completa e demais informações estarão disponíveis no aplicativo Fenearte 2017. A ferramenta foi desenvolvida por seis alunos do terceiro ano do Ensino Médio Integrado do curso de Manutenção e Suporte em Informática da Escola Técnica Estadual (ETE) Maria José Vasconcelos. A organização do evento garantiu Wi-Fi gratuito a todos na área do mezanino. 
A Fenearte também terá uma passarela onde vai exibir 15 desfiles de moda de todas as escolas do Recife. Destaque para Lukka Soares, moradora da Torre que perdeu tudo que tinha num incêndio, exceto seus croquis. Parte deste acervo vai poder ser conhecida em uma mostra junto à passarela. Os modelitos criados por ela vão ser desfilados na terça-feira, 11, a partir das 19h.

Na área externa ao grande espaço do Centro, estarão os Salões de Arte Popular Ana Holanda e Arte Religiosa e a Galeria dos Reciclados, possibilitando que mais pessoas tenham acesso às mostras. A partir de amanhã, sete debates gratuitos e abertos ao público vão discutir design, arte, música e moda.

Os encontros vão ocorrer no Espaço Interferência Janete Costa, por cerca de uma hora. Para acompanhar, os visitantes deverão retirar a senha de acesso no local uma hora antes do início. Oficinas de reciclados, mamulengos, entre outras, serão oferecidas gratuitamente no mezanino, mesmo local das inscrições.

Serviço:
Fenearte 2017
Desta quinta-feira (6) até 16 de julho
Centro de Convenções, Olinda
De segunda a quinta-feira: R$ 10 e R$ 5 (meia-entrada), e de sexta-feira a domingo: R$ 12 e R$ 6 (meia-entrada). Horário: das 14h às 22h, de segunda a sexta-feira. Das 10h às 22h, aos sábados e domingos
Informações: (81) 3181-3454


Programação de shows do primeiro fim de semana:

Nesta quinta-feira (6)
16h - Coral do Aria Social
17h - Banda de Pífano Zé do Estado
18h - Mestres do Coco de Pernambuco

Sexta-feira (7)
17h - Mamulengo Alegria
18h - Banda Musical Curica (Patrimônio Vivo)
20h - Afoxé Povo de Ogunté

Sábado (08)
16h - Cavalo Marinho Boi Pintado
18h - Dona Del do Coco
20h - Bloco de Máscaras Trovadores em Folia

Domingo (09)
16h - Balé Afro Raízes
18h - Maracatu Estrela Brilhante do Recife
20h - Mestre Luiz Paixão

Fotos:




Redação do Blog Petrolândia Notícias e FolhaPE
Fotos e informações enviada por Ilga Carvalho