CLIMAGEM

CLIMAGEM

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

SENHORINHA GÁS

SENHORINHA GÁS
O GÁS MAIS BARATO DA CIDADE

LOJA D' BRUM

LOJA D' BRUM

CLÍNICA ODONTOLÓGICA ANTÔNIA LOPES

CLÍNICA ODONTOLÓGICA ANTÔNIA LOPES
CIRURGIÃO DENTISTA DR. FÁBIO LOPES

CLÍNICA E LABORATÓRIO 'JAQUES'

CLÍNICA E LABORATÓRIO 'JAQUES'

POSTO DR COMBUSTÍVEIS

POSTO DR COMBUSTÍVEIS

LANCHONETE PATRIOTA

LANCHONETE PATRIOTA

NEGUINHA SALGADOS

NEGUINHA SALGADOS

Dra. MARIA RAPHAELA COUTO

Dra. MARIA RAPHAELA COUTO

DR. ÉRICO HEBERT

DR. ÉRICO HEBERT

DR. JEFFERSON TÉCIO

DR. JEFFERSON TÉCIO

FRIGORÍFICO JB

sexta-feira, 7 de julho de 2017

Justiça impugna vitória do Sport sobre o Salgueiro na final do Pernambucano


Em resposta à ação movida pelo goleiro Luciano, do Salgueiro, o presidente em exercício do Tribunal de Justiça Desportiva, Vitor Freitas Andrade Vieira, intimou a Federação Pernambucana de Futebol (FPF) a não homologar o resultado da final do Campeonato Pernambucano 2017. O jogo da volta, realizado no Cornélio de Barros, no Sertão do Estado, foi vencido por 1x0 pelo Sport, placar que deixou o título na Ilha do Retiro. De acordo com o despacho do magistrado, a partida está impugnada até que uma decisão final seja tomada.

O Sport também foi intimado e vai ter dois dias para se manifestar. Passado esse prazo, se o Leão não se pronunciar, caberá à Procuradoria se manifestar ao pleno do TJD. 

AÇÃO

A ação de Luciano foi motivada por um gol do Carcará anulado antes de o Sport balançar as redes com Éverton Felipe. O tento do Carcará foi invalidado depois que o árbitro da partida, Wilton Pereira e o árbitro de vídeo, Péricles Bassol, entenderam que a bola saiu na cobrança de escanteio que originou o gol. A iniciativa gerou muita polêmica e trouxe revolta aos sertanejos. 

TJD manda suspender a homologação do título do Campeão Pernambucano de 2017 e intima o Sport Recife a se manifestar.

Via PE Notícias