CLIMAGEM

CLIMAGEM

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

CONVENIÊNCIA BODEGA DA VILLA

domingo, 19 de novembro de 2017

Petrolândia: Documentos Perdidos de Policial Civil


Um Policial Civil que prefere não se identificar, pede encarecidamente para quem encontrou o encontrar uma carteira porta cédula perdida na ultima sexta-feira (17.11), nas imediações da lanchonete Amazônia Mix no Centro de Petrolândia, que deixe a mesma na Delegacia de Polícia Civil ou no Batalhão de Polícia Militar (4ªCIPM) de Petrolândia.

O agente civil informou a nossa reportagem que no interior da carteira tinha sua Carteira Funcional da PC-PE, além de cartões de crédito e sua CNH.

Redação do Blog Petrolândia Notícias
Informações do proprietário da Carteira

Petrolândia: Homem incendeia a própria moto, após discussão com família [Vídeo]


Um episódio inusitado chamou a atenção e reuniu um bom número de curiosos em Petrolândia, na tarde deste domingo (19.11). O proprietário não identificado ateou fogo em sua motocicleta em frente da sua residência na avenida Nossa Sra. Aparecida, quadra-14, onde segundo informações o motivo para tal ato, foi por desentendimentos com a família. 

A equipe de combate a incêndio do Corpo de Bombeiros de Petrolândia, foi chamada por populares para combater as chamas que ofereciam perigo aos moradores.

Vídeo:



Redação do Blog Petrolândia Notícias/Informações de Populares|Fotos e vídeo: WhatsApp

MST de Petrolândia promove reunião de formação cultural e socialização da juventude agrária no Assentamento Antônio Conselheiro I


Assentados e militantes do Movimento dos Sem Terra (MST) contribuíram neste sábado (18.11) na reunião, formação cultural e socialização da juventude agrária de Petrolândia no assentamento Antônio Conselheiro I.

“A gente agradece o apoio do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Petrolândia, ao pessoal da SEMENTES, órgão responsável pela assistência técnica da área, ao presidente do Partido dos Trabalhadores em Petrolândia, professor Daniel Filho, enfim, agradecemos a todos os segmentos que apoiam nossas atividades em especial essa voltada para a juventude rural do município. 

Por acreditar que o Brasil só promoverá justiça social através de uma revolução e que essa revolução depende das nossas juventudes compreendemos que atividades como essa promovem a conscientização do jovem sobre políticas públicas para que possam ter bagagem e condições de lutar por um Brasil melhor.” Declarou Márcio, assentado e militante do movimento.

“A atividade foi excelente e envolveu tanto os jovens como crianças e idosos. Os próprios jovens vinham cobrando que nossa sede promovesse um encontro cultural e de formação e, graças ao apoio de companheiros importantes no município, realizamos e pretendemos realizar outros mais.” Declarou Laurejane, mais conhecida por neguinha, assentada e militante.

Fonte: Blog Gota d' Água

Petrolândia sediará Fórum Social em Defesa das Águas do Rio São Francisco


A Diocese de Floresta, juntamente com as demais instituições e Movimentos Sociais Organizados, vem lhe convidar para participar do Fórum Social em Defesa das Águas e do Rio São Francisco, que se realizará na cidade de Petrolândia, no Sertão de Itaparica, onde discutiremos formas de desenvolvimento de ações com vistas à defesa do Rio São Francisco e Contra a Privatização da CHESF.

Data: 15 de dezembro de 2017
Horário: 08h00, Saída com Caminhada
Concentração: De frente a Prefeitura Municipal 
Local do Fórum: Orla Fluvial de Petrolândia.

Vem participar deste grande ato em defesa ao Velho Chico

Por ASCOM 


Botijão de gás explode e deixa cinco crianças feridas no Grande Recife

Casa em que ocorreu o acidente fica em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife (Foto: Antonio Coelho/TV Globo)

Uma explosão provocada por um vazamento de gás deixou sete pessoas feridas na manhã deste sábado (18.11), em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife. De acordo com o Corpo de Bombeiros, entre os feridos estão cinco crianças. Uma delas, de um ano de idade, teve queimaduras em 90% do corpo e está internada em estado grave, segundo o posto policial do Hospital da Restauração, unidade de saúde para onde as vítimas foram levadas.

As outras crianças, sendo duas de três anos de idade, uma de nove anos e outra de oito anos, apresentaram queimaduras no rosto, no tórax e nos membros. Além delas, uma mulher de 24 anos, mãe de duas crianças, e um homem de 62 anos, avô de todos os menores de idade, também ficaram feridos. Todos foram inicialmente socorridos por vizinhos.

"Eu tinha combinado de fazer um trabalho com o meu amigo e quando cheguei lá, encontrei todo mundo queimado. A mangueira do botijão ainda estava pegando fogo", conta o operador Carlos André, amigo do avô das crianças e responsável por prestar os primeiros socorros.

Depois de serem atendidos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), os feridos foram encaminhados à Unidade de Pronto Atendimento de Engenho Velho, em Jaboatão. Em seguida, foram transferidos para o setor de queimados do Hospital da Restauração (HR), na área central do Recife. Os feridos chegaram ao hospital por volta das 10h30.

Segundo o comissário da Polícia Civil Jurandir Paz, do posto policial do HR, os dois adultos foram encaminhados conscientes ao hospital. "Uma delas é a mãe da criança de um ano que também se feriu, e o outro é o avô do menino. Eles contam que o botijão foi trocado por volta das 7h30 por uma pessoa que sempre costuma vender gás a eles. Pouco depois, eles começaram a sentir um cheiro forte de gás", conta.

Ainda de acordo com o comissário, os dois adultos são pai e filha e chegaram conscientes à unidade de saúde. Segundo Jurandir, eles afirmaram não ter fumado perto do botijão de gás. "Eles disseram que não houve nenhuma fagulha perto e que só sentiram o cheiro de gás", afirma.

De acordo com a assessoria de comunicação do HR, os dois adultos e quatro das cinco crianças tiveram o quadro clínico considerado estável na tarde do sábado. Já a criança de um ano, devido às queimaduras em 90% do corpo, foi encaminhada à Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da ala pediátrica.

Do G1/PE

MPPE recomenda anulação de concurso da UPE para assistente administrativo após suspeita de irregularidade

Ministério Público de Pernambuco emitiu recomendação para anular concurso (Foto: Marlon Costa Lisboa/Pernambuco Press)

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendou a anulação das provas realizadas pela Universidade de Pernambuco (UPE) para o cargo de assistente técnico em gestão universitária, realizadas no dia 27 de agosto. A recomendação da anulação, publicada no Diário Oficial deste sábado (18), deve ser feita em até dez dias úteis.

De acordo com as considerações do MPPE, a promotoria de justiça do órgão apurou uma denúncia de irregularidade, referente ao parentesco entre quatro candidatos e um membro da comissão do concurso. Ainda segundo o MPPE, todos os candidatos foram aprovados no certame para o cargo de assistente técnico em gestão universitária, o que, para o órgão, "infringiu frontalmente os princípios da legalidade, igualdade, impessoalidade e moralidade".

Diante disso, o MPPE recomenda a anulação de todas as provas para o cargo de assistente técnico em gestão universitária. O órgão também recomenda que as avaliações sejam refeitas, com publicação de novo cronograma de realização das provas e a constituição de uma nova comissão de avaliação para o certame.

O MPPE, no entanto, não menciona a anulação do certame para os cargos de médico e analista técnico em gestão universitária. O G1 procurou a Universidade de Pernambuco e aguarda posicionamento da instituição a respeito do assunto.

O concurso
Para o cargo de assistente técnico, as 222 vagas disponíveis eram destinadas para as funções de atendente de clínica odontológica, assistente administrativo, além de técnicos em administração, contabilidade, edificações, enfermagem, informática, laboratório/análises clínicas, laboratório (eletrônica, mecânica), secretariado e segurança do trabalho.

As oportunidades são distribuídas entre as unidades de educação e saúde em Arcoverde, Caruaru, Petrolina, Salgueiro, Serra Talhada, Garanhuns, Zona da Mata e na Região Metropolitana do Recife.

Do G1/Caruaru

Polícia encontra corpo de bebê recém-nascido enterrado na zona rural de Buíque


A polícia encontrou na sexta-feira (17.11) o corpo de um recém-nascido enterrado na zona rural de Buíque, Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar, o menino havia nascido no dia 22 de outubro deste ano e morreu na quinta (16.11).

Ainda segundo a PM, familiares informaram que a criança nasceu desnutrida e com problemas de saúde, e que a mãe, por ser desnutrida também, não teve condições de manter o bebê.

O corpo da vítima foi enterrado na comunidade onde a família mora porque a mãe, uma adolescente de 15 anos, não teve condições de fazer o sepultamento de forma adequada, conforme foi dito à polícia.

O menino foi levado para o Instituto de Medicina Legal (IML) do Recife, e a Polícia Civil irá investigar o caso.

Do G1/Caruaru

Há 40 anos, sanfoneiro contou que Lampião fez cidade dançar pelada

Lampião, o rei do cangaço está vivo e cego de um olho. Tem 86 anos e mora escondido em uma fazenda no interior de Minas Gerais. Quem garante é Zé Paraíba, famoso tocador de sanfona conhecido em todo o sertão paraibano e de Alagoas e amigo do cantor Waldick Soriano (1933-2008).

Zé Paraíba, nome artístico de José Salete, diz que nasceu no dia 7 de agosto de 1932 e que foi sanfoneiro de Virgulino Ferreira da Silva, o Lampião. Foi o próprio sanfoneiro quem contou a sua história, publicada no jornal “Notícias Populares” em 17 de novembro de 1977.

Lampião e seu bando costumavam se hospedar em fazendas durante suas viagens pelo sertão. O pai de Zé Paraíba, José Leite, era proprietário da fazenda Lage Vermelha, no alto sertão da Paraíba.

Lá o grupo de Lampião se hospedava frequentemente. “Meu pai, José Leite, tocava oito baixos (sanfona) na fazenda Lage Vermelha, e eu segui o seu caminho. Foi nela que o velho conheceu Lampião. O Virgulino costumava passar na fazenda do meu pai, que era uma das mais conhecidas do sertão paraibano e ali se ‘arranchava’, pedia pousada constantemente.”

“Com o tempo foi nascendo uma amizade entre meu pai e o rei do cangaço.” Zé Paraíba continua sua narrativa, contando a experiência de ter vivido com Lampião e seu lendário bando. Maria Bonita, Corisco, Dadá, Pilão, Gavião, Volta Seca. O bando todo se arranchava na fazenda.

Aos nove anos, o músico estava tocando uma pequena sanfona na fazenda Belo Jardim, vizinha da de seu pai. Foi quando ele viu a tropa de Lampião se aproximar.

“Os cabras gostaram das músicas de forró que eu tocava e me raptaram. No começo do rapto eles me maltrataram um pouco porque não sabiam que eu era filho de José Leite. Depois que Lampião ficou sabendo quem eu era ele recomendou aos cabras que não me maltratassem e mandou avisar o meu pai na fazenda”, disse Zé Paraíba.

Depois que Lampião soube quem era o menino as coisas começaram a melhorar. O sanfoneiro ficou mais tranquilo e passou a tocar músicas para Maria Bonita. Os homens do bando pediam a música da mulher de Lampião. Então ele tocava “Mulher Rendeira”. Todos gostavam e dançavam.

Zé Paraíba revelou porque o rei do cangaço se tornara um bandido e um contraventor das leis e da justiça: “O Lampião me falou que nunca teve ideia de sair por aí ‘cangaceando’ e fazendo mal para os outros até que viu o pai dele morrendo com 37 facadas. Ele ficou louco durante três dias e depois partiu para a vida do cangaço. Mesmo assim ele não atacava os coitados, ele só atacava quem não gostava dele”.

O músico se lembra de um episódio que aconteceu num povoado do sertão baiano chamado Queimados. O bando estava arranchado em uma fazenda próxima. Lampião mandou avisar que entraria na cidade às oito horas do dia seguinte e que era para os macacos (policiais) se prepararem.

Quando ele chegou à cidade só havia seis soldados. Então a tropa tomou conta do lugar e Lampião ordenou ao povo que dançasse nu na praça. Todo mundo tirou a roupa e dançou pelado na praça. O bando todo ficava olhando e com arma apontada. Quem desrespeitasse a moça que era seu par corria o risco de ser castrado. Zé Paraíba tocou forró para o povo dançar pelado durante três horas. Depois disso Lampião mandou todo mundo se vestir e ir para casa.

Homens mais próximos de Lampião, José Leite e seu compadre, estiveram com o rei do cangaço no começo de 1977 e disseram que ele estava vivendo em uma fazenda no interior de Minas Gerais e com o nome trocado.

“Aquele negócio das cabeças que andaram mostrando por aí eu não acredito porque meu pai e seu compadre foram ver e disseram que não era a dele”, disse Zé Paraíba. O sanfoneiro não concorda com o que muitos dizem que Lampião fosse um homem mal.

“Eu discordo de muita coisa que se diz por aí. Ele não era um cabra sanguinário. Antes de atacar uma fazenda, ele mandava alguém para sondar se o fazendeiro gostava ou não dele. Se o fazendeiro falasse que não gostava, aí ele atacava. Senão ele ficava ali mesmo e não agredia ninguém.”

“Ele tinha o coração bom e me salvou da morte. Logo que me raptaram, Volta Seca e mais alguns queriam me jogar pro alto e me aparar na ponta de um punhal porque eu não sabia tocar uma música. Aí chegaram ele e Maria Bonita e não deixaram”.

Zé Paraíba ficou com o bando durante seis meses. Ele se lembra do que Lampião disse ao lhe devolver para seu pai: “Zé Leite, vou lhe entregar seu filho, mas é com muita saudade que eu faço isso porque ele toca muito bem e faz tudo o que a gente pede.”

O sanfoneiro afirma que este foi seu primeiro contato com a vida musical no cangaço, o que fez dele o famoso tocador de forró, com discos vendidos em todo o Nordeste.

Folha de São Paulo

Lula diz que, se eleito, vai consultar população sobre reformas

Lula/Foto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

Se eleito em 2018, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva promete fazer um referendo para consultar a população sobre reformas, como a trabalhista, aprovada por Michel Temer. A declaração foi feita em entrevista publicada pelo jornal francês "Le Monde" neste sábado (18). "Se eu vencer as eleições, farei um referendo para perguntar a população sobre sua opinião. E o assunto será debatido no Congresso", afirmou o ex-presidente ao diário.

Questionado sobre a política de Temer, Lula diz que "isso não é política". "Ele não constrói nada. Esse governo reprisa 'O Exterminador do Futuro 1 e 2'. Ele destrói. Ele reduz o investimento em educação, aquilo que há de mais sagrado, em ciência e tecnologia, e se desfaz do patrimônio público", afirma.

O petista não confirma se sairá candidato no ano que vem. "Não é minha preocupação. A hora da verdade chegará e o PT decidirá", afirma ao jornal. Mas criticou a preocupação do mercado financeiro com sua candidatura, vista como a de um populista na América Latina. "Essa preocupação dos mercados é ridícula e hipócrita. Os mercados não têm medo de Lula porque eles já viveram em um país governado por Lula e foi um dos melhores momentos para a economia", afirma.

"O que amedronta eles é que eu não vou deixar vender o patrimônio. Nós não vamos vender a Amazônia, não vamos vender a Petrobras, a Eletrobras ou os bancos públicos. E os mercados sabem que nós vamos privilegiar a produção à especulação", afirma o ex-presidente.

Para Lula, o Brasil não precisa de um Emmanuel Macron, presidente francês que foi eleito com discurso de mudar o sistema político. "Deixem Macron governar para ver o que acontece. É uma teoria que venceu as eleições na França. Vejamos a prática. E nos falemos novamente daqui a cinco anos."

Na entrevista, o petista diz não ser contra a Operação Lava Jato, mas sim contra os "excessos" e as "mentiras". "Toda política contra corrupção é bem-vinda. Mas o erro da operação Lava Jato foi politizar e midiatizar os debates, de se entregar à pirotecnia", afirma.

Via Folha PE

Motorista embriagado atropela 3 pessoas em calçada no bairro DNER em Floresta, PE


Um motorista embriagado atropelou na noite desta sexta-feira (17.11) uma criança de cinco anos, um adolescente de 16, e um jovem de 20 no bairro DNER em Floresta, no Sertão de Pernambuco. As vítimas estavam na calçada quando foram atingidas por um carro Santana por volta das 21h30.

Motorista suspeito de dirigir o carro fugiu. Foto: WhatsApp do Blog do Elvis/Divulgação
De acordo com informações apuradas pelo Blog do Elvis, o motorista suspeito mora na localidade e fugiu antes da chegada da polícia. As vítimas foram socorridas para o Hospital Coronel Álvaro Ferraz. O carro de placa KGM-0100 ficou parcialmente danificado.

Via Blog do Elvis/NE10

Por dívida de R$ 103,00, homem mata irmão na Zona Rural de Betânia, no Sertão


Na tarde deste sábado (18.11), por volta das 15:30, um homem foi assassinado pelo próprio irmão, no Sítio Mucambinho, na Zona Rural de  Betânia, no Sertão do Moxotó.

Segundo testemunhas, a vítima identificada como Zenildo Manoel Simplício dos Santos, estava em sua residência quando seu irmão: Josenildo Manoel dos Santos, armado como uma soca-soca, veio cobrar uma dívida de R$ 103,00. 

Após discussão, os irmãos entraram em luta corporal, tendo Josenildo efetuado um disparo contra a vítima que caiu e ficou indefesa. Josenildo aproveitou a chance e terminou de assassinar seu irmão a coronhadas. Após a prática do crime, o acusado se evadiu do local, tomando destino ignorado. A Polícia Militar esteve no local, isolou e efetuou diligências, porém não obteve êxito. 

Via: O Povo com a Notícia/Portal Nayn Neto

sábado, 18 de novembro de 2017

Atenção Petrolândia: Ato de protesto contra o fechamento da agência do INSS, acontecerá nesta próxima segunda-feira (20)



Na próxima segunda-feira, (20/11) haverá um ato de protesto contra o fechamento da Agência da Previdência Social (INSS) de Petrolândia, onde sindicatos, movimentos sociais apoiados pelos poderes Executivo e Legislativo, participarão desse movimento que acontecerá ás 07h00 da manhã em frente da própria agência do INSS, localizada ao lado do Centro Cultural da cidade.

A decisão de suspensão dos atendimentos na agência se deu nesta ultima quinta-feira (16.11), após a gerência executiva do INSS de Petrolina emitir uma Nota à População, comunicando que os atendimentos aos segurados do instituto previdenciário será relocados para o município de Tacaratu a partir desta próxima segunda feira (20.11), onde a população incluindo jovens e idosos (segurados do INSS), nem sempre dispõem de veículos e dinheiro para esse deslocamento, sofrendo assim transtornos com essas viagens para assegurar seus direitos previdenciários.

Todos da cidade estão convidados a comparecerem neste ato de luta. "Sem luta não há conquistas"!

Redação do Blog Petrolândia Notícias
Informações: ASCOM dos Sindicatos e Movimentos Sociais

Petrolândia: EREM de Jatobá promoverá o 1º Festival Literário em homenagem a Rui Sá e Zé Luiz




A Escola de Referência em Ensino Médio de Jatobá promoverá entre os dias 1 e 2 de Dezembro o primeiro festival literário cultura e arte aberto à comunidade. Os artistas homenageados nessa primeira edição serão o poeta Rui Sá e o cordelista Zé Luiz.

PRÉVIA

O pré-festival acontece na noite do dia 30 com a edição 2017 do Projeto Integrando A Sétima Arte, em seu oitavo ano, com produções curta-metragem do grupo Êxodus e das EREM’s de Jatobá e Maria Cavalcanti Nunes em Petrolândia. Local ainda a se definir.

DIA 1 DE DEZEMBRO

Dia 1 a escola receberá, a partir das 08h00min, toda comunidade para visita de suas salas temáticas relacionadas ao universo da leitura: HQ’s e Mangás, Terror, Fantasia, Literatura Infantil, Romantismo, Realismo, Mulheres na Literatura e a sala que homenageará os artistas da terra, Rui Sá e Zé Luiz, além de oficinas, mesas redondas, palestras e outras atividades que acontecerão durante o dia, simultaneamente (é preciso estar atento aos horários), tais como concurso de desenhos, desfile de cosplay, sarau, dança, recital em libras, entre outros.
Alguns dos destaques já confirmados têm como proponente a sala “Mulheres na Literatura” organizada por estudantes do terceiro ano do nível médio sob coordenação dos professores Osmar Brandão e Suemys Pansani. A sala apresentará atividades extras como o júri simulado onde a personagem Capitu será julgada por, supostamente, ter traído Bentinho no clássico machadiano “Dom Casmurro” trazendo à tona tabus e discussões patriarcais históricas. A sala trará ainda uma roda de conversa com o tema: “O papel da mulher na literatura – das autoras às personagens”, que fará um resgate e promoverá uma análise crítica sobre a representatividade feminina na literatura. A roda de conversa contará com participação da autora Paula Rubens (autora da obra infantil “O Jatobá que virou Mar”) e Thailane Lisboa (professora e representante do coletivo “Crespas e Cacheadas”.

DIA 2, ENCERRAMENTO


O encerramento iniciará pela manhã com passeio ciclístico e caminhada literária com concentração, a partir das 07h00min, na EREM de Jatobá. Estudantes, vestidos como suas personagens e autores favoritos, caminharão pelas principais avenidas da cidade declamando textos consagrados e de suas autorias. A caminhada seguirá para a orla no espaço Trupé Cultural, cedido e organizado pelo empresário Jadilson Ferraz, apoiador do projeto.
Lá a comunidade irá encontrar exposição de fotos e objetos da antiga cidade, recital, música, artesanato e acompanhar o trabalho do artista tatuador da cidade, Noelson Bernardo (conhecido por Neguinho) que fará uma tatuagem referente a uma das salas temáticas do Festival.
O encerramento contará ainda com a presença de artistas da região, caso da Sociedade dos Poetas, Escritores e Compositores de Sertânia (SAPECAS), escritores e artistas de Paulo Afonso e região.
Artesãos e artistas que desejarem expor seus trabalhos no festival entrar em contato com o professor Daniel Filho ou com a EREM de Jatobá.


Participe e ajude a divulgar para que possamos, cada vez mais, contar com opções culturais diversas em nosso município. 

Fonte: Blog Gota d' Água


Brasil: Criança desmaia em escola: 'Chorei ao notar que era fome', diz professora


Um aluno de 8 anos desmaiou de fome, nesta semana, enquanto assistia à aula em uma escola do Cruzeiro, no Distrito Federal. A criança mora no Paranoá Parque, um empreendimento do Minha Casa, Minha Vida. Como não há colégio público no local, as 250 crianças do condomínio percorrem 30 quilômetros, todos os dias, para frequentar a escola.

"A gente chamou o Samu. Quando o Samu chegou e fez o atendimento, e viu que era fome, até o rapaz praticamente chorou", conta a professora Ana Carolina Costa, que dava aula para a criança que sofreu o desmaio.

Em nota enviada à TV Globo, a Secretaria de Educação disse "lamentar" o caso do estudante, e informou que não oferece almoço às crianças porque não há ensino integral na unidade. A reportagem insistiu e, em uma nova resposta, a pasta disse que vai "reavaliar" a situação.

No comunicado, a secretaria diz que fornece um "lanche" a cada turno – segundo funcionários, a merenda é composta por biscoito e suco, na maioria das vezes.

De acordo com a equipe da Escola Classe 8 do Cruzeiro, a reclamação de fome é comum entre os alunos. As aulas acontecem à tarde mas, por causa da distância e do número de paradas, muitas crianças saem de casa às 11h, e passam o horário de almoço no transporte escolar do governo.

Como as famílias têm renda baixa, muitos desses alunos saem sem almoçar. Segundo Ana Carolina, boa parte das crianças nem tem o que comer em casa, e vão à escola contando com a merenda.

"Ficam dispersos, não prestam atenção. Eles falam: 'tia, tô com fome.' [...] A escola faz o que pode, chama a família, o Conselho Tutelar, não é omissão da escola", diz a professora.

O lanche citado pela Secretaria de Educação é fornecido por volta das 15h30, no recreio das aulas da tarde. Após recobrar os sentidos, a criança que desmaiou em sala de aula contou aos médicos do Samu qual tinha sido a última refeição: um prato de mingau de fubá, comido no dia anterior.

Por G1 DF (Redação)

Com agenda em Águas Belas, Marília Arraes toma café da manhã com lideranças políticas em Garanhuns neste domingo (19)


A vereadora do Recife e pré-candidata ao governo do estado, Marília Arraes (PT), estará na manhã deste domingo (19.11) de volta ao agreste meridional e toma um café da manhã com várias lideranças regionais em Garanhuns. O encontro servirá para estreitar ainda mais os laços da petista com esta parte do estado. Marília esteve recentemente na fazenda dos Morais, no município de Brejão, onde reuniu um bom número de líderes locais.

No café da manhã, além de rever velhos amigos de seu avô, Miguel Arraes, a jovem aspirante ao cargo de governadora terá a oportunidade de conversar com sua base de apoio político que está tomando forma na região. Estarão presente ao encontro lideranças de Saloá, Brejão, Terezinha, Bom Conselho, Lagoa do Ouro, Jupi, Garanhuns e vários outros municípios do agreste meridional.

Ainda na parte da manhã, Marília seguirá para Águas Belas, onde participa de uma plenária da executiva estadual do partido dos trabalhadores. Na executiva deverão estar presentes o senador, Humberto Costa (PT) a deputada estadual, Teresa Leitão (PT) e os vários presidentes do PT na região.

Wellington Freitas